Ofis Arhitekti e Guardian Glass erguem casa de vidro no deserto em Granada, na Espanha

Ofis Arhitekti e Guardian Glass erguem casa de vidro no deserto em Granada, na Espanha

Desafiando a natureza e projetado para resistir ao clima hostil do Deserto de Gorafe, considerado um dos ambientes mais adversos e extremos da Europa, localizado na Província de Granada, na Espanha, a Casa del Desierto tem estrutura de madeira e é totalmente envidraçada. A tecnologia de alta performance e eficiência energética é garantida por lâminas que proporcionam 52% de transmissão de luz e bloqueiam 75% da energia do sol.

Cobrindo apenas 20 m², o espaço possui três áreas: quarto, banheiro e sala de estar. A casa também possui um sistema de tratamento de água, outro de geração de energia e um conjunto de painéis fotovoltaicos.

Leia mais

Notícias do mundo da arquitetura

Notícias do mundo da arquitetura

Biblioteca São Paulo é finalista em premiação internacional

O escritório de arquitetura e design DM/AM, um dos mais importantes do país e reconhecido por sua excelência na criação de espaços e projetos inspiradores há exatos 20 anos, traz o projeto de interiores da Biblioteca São Paulo (BSP) como finalista do prêmio da Feira do Livro de Londres, que aconteceu em 10 de abril.

Criado com o objetivo de se tornar modelo de equipamento público e construído no local onde funcionou por 82 nos o Complexo Penitenciário do Carandiru, o programa de interiores da Biblioteca São Paulo oferece uma estrutura que atrai diferentes públicos, apresentando um ambicioso design de acessibilidade e mídias complementares.

Leia mais

Dois projetos construídos em madeira vencem o Prêmio Ibramem/AMATA

Dois projetos construídos em madeira vencem o Prêmio Ibramem/AMATA

Foram anunciados no final de março os vencedores do Prêmio Ibramem/AMATA de Arquitetura em Madeira 2018, que visa incentivar a utilização do material na construção civil respeitando sua linguagem e enquadramento dentro dos princípios da sustentabilidade. A iniciativa é voltada para estudantes e profissionais das áreas de engenharia e arquitetura e urbanismo de todos os países da América Latina.

Na categoria para profissionais, os ganhadores foram o projeto Moradas Infantis, dos escritórios Rosenbaum e Aleph Zero, e a Casa na Montanha, de Gui Paoliello Arquiteto. Já a categoria para estudantes foi vencida por Daniela Moro e Gabriel Hildebrand Tomich, da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Leia mais

Residência de descanso em Itatiba, interior de São Paulo, aproveita topografia do lote em proposta geométrica de implantação e projeto que privilegia a entrada da iluminação natural

Residência de descanso em Itatiba, interior de São Paulo, aproveita topografia do lote em proposta geométrica de implantação e projeto que privilegia a entrada da iluminação natural

A cobertura de madeira sobre o volume que integra estar e uma ampla cozinha americana parece flutuar sobre as paredes brancas. As tesouras de madeira, no perímetro da construção fechadas com vidro, tocam a superfície dos planos verticais em pontos específicos e são as responsáveis pela leveza da estrutura. A caixilharia branca de perfis esguios se abre para o verde do lote em desnível, localizado no interior de São Paulo, em Itatiba, no chamado Circuito das Frutas.

A residência foi construída para um casal na faixa de 60 anos, com filhos grandes. Na maior parte das vezes, é utilizada somente nos finais de semana, apenas pelo casal. “Os clientes queriam uma casa térrea, onde os quartos fossem integrados com a área externa, mas que tivesse certo respiro em relação à área social da casa”, conta Felipe Rassini, autor do projeto.

Leia mais

Triptyque projeta edifício que será construído totalmente com madeira certificada

Triptyque projeta edifício que será construído totalmente com madeira certificada

A Vila Madalena, na zona Oeste de São Paulo, ganhará um prédio com 13 andares totalmente construído em madeira 100% certificada, com garantia de origem e trajetória. Trata-se do edifício da empresa florestal brasileira AMATA, projetado pelo escritório de arquitetura Triptyque.

O edifício será erguido em um terreno de 1.025 m² e terá área total de 4.700 m². Para a sua construção vão ser utilizados painéis de Cross Laminated Timber (CLT), um material desenvolvido com multicamadas de madeira maciça em duas direções diferentes, que facilita a implantação de estruturas grandes e altas.

Leia mais

Encravado no topo de um mirante entre verdes montanhas da capital mineira, complexo cervejeiro se destaca pelo traçado arquitetônico inventivo e envolvente de Gustavo Penna

Encravado no topo de um mirante entre verdes montanhas da capital mineira, complexo cervejeiro se destaca pelo traçado arquitetônico inventivo e envolvente de Gustavo Penna

No princípio, eram dois elementos primordiais: um cenário de tirar o fôlego e um briefing que apontava para a criação de um ambiente propício tanto à produção quanto ao consumo de cervejas artesanais de alta qualidade. Entrelaçar essas duas pontas e amarrá-las com o desejo de surpreender os visitantes com uma miríade de experiências sensoriais foi o trabalho empreendido pelo arquiteto Gustavo Penna (GPA&A) ao projetar o Ateliê Wäls, novo complexo da cervejaria mineira que firmou parceria com a Ambev em 2015.

O local escolhido para a implantação do espaço foi um antigo galpão fabril, acomodado no topo de um dos idílicos morros do bairro Olhos D’Água, em Belo Horizonte, razão pela qual privilegiar a paisagem foi o ponto de partida. “A cidade, vista assim do alto, mais parece um céu no chão”, pontua o arquiteto, citando a canção de Paulinho da Viola para justificar o fechamento envidraçado que envolve a construção de 1.900 m² distribuídos em três pavimentos.

Leia mais