Arquitetos e programadores compõem o DUS, responsável pela fabricação digital de fachada do Europe Building, em Amsterdã

Arquitetos e programadores compõem o DUS, responsável pela fabricação digital de fachada do Europe Building, em Amsterdã

As impressoras 3D e diversos setores da indústria – entre eles, a arquitetura, o design e a engenharia – vivem um início de namoro que promete ser longo e frutífero. A fabricação digital de produtos tem favorecido a liberdade dos profissionais de criação, assim como a utilização da tecnologia na modelagem de maquetes ajuda a identificar e solucionar erros de projetos que, de outro modo, seriam descobertos somente em estágios bem mais avançados da construção. Há também um campo bastante ambicioso, que diz respeito à impressão de casas e de outros tipos de edificações – em geral erguidos em algumas horas e extremamente baratos, se comparados às construções com métodos convencionais.

Leia mais

Instituto de Arquitetura Avançada de Catalunha (Iaac), em Barcelona: as mais recentes tecnologias para criar as próximas megacidades

Instituto de Arquitetura Avançada de Catalunha (Iaac), em Barcelona: as mais recentes tecnologias para criar as próximas megacidades

Assim como a Nova York retratada por Woody Allen em Manhattan (1979), Barcelona é a colagem de muitas imagens – românica, pulsante, turística, metrópole-metáfora das transformações da cultura contemporânea. E um pouco mais. A cidade berço da vanguarda na Espanha continua com visões muito próprias do que é viver a contemporaneidade. É capaz de misturar, sem qualquer problema, seu passado romano com o até hoje contemporâneo plano Cerdà – que, a partir de 1855, derrubou muralhas e expandiu a área urbana de olho no futuro.

A cidade que no século 19 era conhecida como a Manchester do sul europeu, em virtude de seu portentoso parque industrial têxtil, passou, nas décadas antes da virada do milênio, a ter bairros industriais esvaziados e a ver sua economia migrando da produção de bens primários para os de serviços. Leia mais