Em detalhes: Casa Merello, do WMR Arquitectos, Chile

Em detalhes: Casa Merello, do WMR Arquitectos, Chile

IMPLANTAÇÃO E CLIMA
A Casa Merello é uma residência à beira-mar em uma área de poucas ocupações, no vilarejo de Pichilemu, da região de Coquimbo, no Chile. A paisagem do entorno tem relevo natural de inclinação leve do nível do mar e ao longo do terreno. O chão rochoso e pedregoso apresenta vegetação escassa e rasteira, típica de deserto, com cactos e pequenos arbustos, dos quais o paisagismo da edificação tirou proveito com aplicação na cobertura e no jardim fronteiriço à praia.

A região tem ventos sul predominantes e é suscetível a tsunamis. As ondas gigantes levam à constante presença de surfistas que participam do ranking mundial, Big Wave Surfing League, como é o caso do proprietário da residência em estudo. A caracterização do clima da região indica um regime mediterrâneo, com invernos chuvosos e o restante do ano bastante seco. Os ventos são comuns o ano inteiro, sendo predominantemente sul (SSW) e noroeste (NW), com velocidades críticas e até perigosas. É comum a presença de neblina costeira. As temperaturas não costumam baixar de 0ºC. As faces norte e sul são respectivamente tratadas com fechamento de madeira (brises verticais) e de vidro fixo. Limita-se, assim, a vulnerabilidade dos ambientes quanto ao posicionamento do sol durante o ano e quanto ao regime de ventos.

Leia mais