Como trabalhar em coletivos de arquitetura

Como trabalhar em coletivos de arquitetura

Na faculdade, formar coletivos de arquitetura é uma estratégia de sobrevivência para começar a se consolidar na carreira. Para quem já atua no mercado há algum tempo, é uma alternativa interessante aos profissionais que compartilham ideias parecidas. A formação de coletivos é diversa. Os grupos podem ser formados por profissionais que têm afinidade pessoal e profissional, por equipes multidisciplinares ou até por uma causa comum. “Muitos se juntam para aumentar a capacidade produtiva dos escritórios, para abranger projetos maiores e para juntar competências diversas que, somadas, possam atrair novas possibilidades de trabalhos”, acredita Guilherme Ortenblad, arquiteto e urbanista fundador do Zoom Urbanismo Arquitetura e Design.

OS PRÓS E OS CONTRAS 
Como todo trabalho coletivo, é necessário saber conviver em grupo. As vantagens e desvantagens desse esquema de trabalho são bem claras. Para Guilherme, trabalhar com projetos coletivos é uma experiência enriquecedora. “Acredito que a vantagem principal é o compartilhamento e a soma de conhecimentos, competências e experiências. Além disso, a união de afinidades pode dar voz a causas e gerar ações inovadoras e transformadoras”.

Leia mais

Notícias do mundo da arquitetura

Notícias do mundo da arquitetura

Biselli e Katchborian projeta complexo habitacional e cultural em terreno da antiga rodoviária de São Paulo

Fotos divulgação: Biselli Katchborian Arquitetos
1

Um corredor cultural, 1.200 moradias (90% delas para habitação de interesse social), creche para 200 crianças, 5 mil m² de comércio no térreo dos edifícios e novos espaços verdes e públicos serão construídos em dois terrenos na região da Luz, Centro de São Paulo. O projeto 1 é do escritório Biselli e Katchborian, contratado após concurso fechado organizado pela Canopus, construtora mineira que venceu, em 2015, a concorrência por um dos quatro lotes da Parceria Público-Privada (PPP) da Habitação, iniciativa do Governo do Estado de São Paulo. Leia mais