Os profissionais que assinaram os projetos publicados na edição

MARCOS BERTOLDI

Formou-se em Arquitetura e Urbanismo pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná em 1982, no mesmo ano especializou-se em Arquitetura Paisagística na mesma Universidade. Após um ano viajando entre Estados Unidos e Europa, inicia atividade profissional em escritório próprio no ano de 1984. Foi incluído no livro e exposição parisiense: Ainda Moderno? Editora Nova Fronteira sob curadoria de Carlos Eduardo Comas, em 2005.

MACRO ARQUITETOS

A MACRO ARQUITETOS foi fundada em 2011 pelo arquiteto Carlos Duarte, logo após sua conclusão do curso de graduação pela FAU-Mackenzie, com o objetivo de explorar as variadas formas de arquitetura de maneira criativa e contemporânea. Em 2015, a arquiteta Juliana Nogueira, formada pela FAUMackenzie, se associou ao escritório trazendo sua experiência em outras áreas após o período em que esteve na Inglaterra.

FLAVIA CANCIAN

Formada pela FAU-USP, fez pós-graduações em Barcelona, na Universitat Politécnica de Catalunya – UPC e no Centro de Cultura Contemporânea de Barcelona – CCCE, com diretores Josep Muntañola e Ignassi de Sola Morales Rubio. Possui certificações em Acessibilidade Universal pela SEMPED e em Planejamento e Implementação de Sistemas Cicloviários pela CET-SP. Em Barcelona, Espanha, participou do projeto Arquitectos Sem Fronteiras, Centros de Saúde em Moçambique, na África e colaborou com Manuel Gausa em Actar Arquitetura durante dois anos. No Brasil, trabalha em projetos de arquitetura e revitalização urbana.

FELIPE RASSINI

A meta do escritório RASSINI Arquitetura é criar uma arquitetura por completo, da pequena à grande escala. Os projetos são realizados e implantados com otal personalização. Formado em 2008, pela universidade Presbiteriana Mackenzie, abre seu escritório em 2009 após ter colaborado por 4 anos em escritórios de diversas escalas e tipologias na cidade de São Paulo. Tem a cidade como seu laboratório e entende a linha de seu trabalho como modernista de formação, mas sem abandonar a vanguarda dos materiais e técnicas construtivas.

OFICINA 11.11

Composto pelos arquitetos Nadja Bonan, Mauricio Ruoppoli e pelo designer e curador de arte Flávio Franzosi, o escritório Oficina 11.11 oferece assessoria personalizada com inovações em tudo o que desenvolve. Além de encontrar e trabalhar gostos pessoais dos clientes, combina a arquitetura a uma curadoria especializada, feita em parceria com uma rede de artistas plásticos, artesãos e designers. Trabalha com projetos comerciais, residenciais e de interiores. Atua também na criação de peças de arte e curadoria para outros escritórios de arquitetura.

PIMONT

Projetar buscando a melhor aplicação dos materiais e sua forma natural de expressão, com extrema atenção ao cliente e ao contexto para criar mais do que um espaço, um lugar. Essa é a filosofia de trabalho do Pimont Arquitetura, escritório fundado pelo arquiteto Henrique Pimont. Formado em arquitetura e urbanismo pela FAU-USP, em 1992, Pimont ganhou o Primeiro Prêmio na Oficina Internacional de Urbanismo de Cergy Pontoise, na França, um ano depois de formado. É membro do Grupo de Estudos de Sustentabilidade da Asbea-SC.

CARMEM AVILA

Formada pela FAU-USP, Carmem trabalhou durante alguns anos como colaboradora em diversos escritórios – Heloisa Maia Campos, ATP Arquitetura, Brasil Arquitetura e Futurebrand, entre outros –, onde solidificou sua formação até iniciar uma carreira a solo em 2004. Entre 2009 a 2013 lecionou no curso Design de Interiores na Escola Panamericana de Arte de São Paulo. Em 2013, foi uma das finalistas no concurso IDEA BRASIL, dentro da categoria Living Rooms and Bedrooms, com o Projeto do Cabideiro Ondas.