Tubulação turquesa para instalação elétrica vira destaque de projeto de espaço de coworking recém-inaugurado na Tailândia

A onipresente tubulação turquesa que serpenteia o Hubba-to, espaço de coworking recém-inaugurado em Bangkok, na Tailândia, é a prova de que o maior desafio de um projeto pode ser transformado em seu grande trunfo. “Nós, designers, estamos sempre lutando com as instalações elétricas. Aqui, decidimos extrapolar, utilizando até mais canos do que realmente seria necessário, porém dando a eles um desenho com valor ornamental na composição do ambiente”, explicam os autores da proposta, Yupadee Suvisith e Pitupong Chaowakul, do tailandês Supermachine Studio.

A inspiração para criar a hipnotizante malha de conduítes metálicos veio do logotipo da empresa, que brinca com diversas linhas conectadas para transmitir o espírito do empreendimento: mais do que um local de trabalho coletivo, onde desconhecidos tocam seus negócios lado a lado, a ideia do Hubba-to é ser um ponto de encontro em que freelancers, artistas e empreendedores em geral possam se conectar, trocar experiências, desenvolver parcerias e, consequentemente, ampliar a rede de relacionamentos e os negócios. Tudo isso em um ambiente divertido e propício à efervescência de ideias.

ESTILO INDUSTRIAL
Com 989 m², o imóvel de dois andares apresenta uma atmosfera similar à de um galpão, realçada pelo pé-direito duplo presente no hall e no salão principal. O concreto aparente polido foi a escolha para o piso, para o teto, para as colunas e parte das paredes, onde ganhou a companhia de painéis de aço tingidos de preto e pintura acrílica cinza sobre os trechos rebocados e com tijolinho. O mobiliário combina peças compradas prontas, a exemplo das cadeiras descasadas de modelos variados, com itens feitos sob medida, como as diversas bancadas e estantes que atendem a diferentes funções, de acordo com o ambiente.

Pairando sobre esses elementos de aparência neutra, a hipnotizante tubulação turquesa rouba a cena – ainda mais porque dela despontam lâmpadas e luminárias de ferro que reforçam o clima fortemente urbano do projeto. Por causa da ausência de forro, outras instalações de infraestrutura, como ar-condicionado, controle de incêndio e wi-fi, também ficam à vista, perfeitamente harmonizadas com a ambientação despojada.

MÚLTIPLAS ATIVIDADES
O programa se divide em setores que atendem a necessidades bastante específicas: além das mesas de escritório convencionais, há estúdio de cerâmica, oficina de marcenaria, ateliê de pintura, bancadas livres para artes manuais, cozinha aberta, câmara escura para revelação de fotografias, salas de reunião e de projeção, espaço para workshops e até uma área equipada com ferramentas digitais, como máquinas de corte a laser e impressoras 3D.

Integrante da Hubba, a maior rede de coworkings do Sudeste Asiático, o Hubba-to funciona 24 horas por dia e fica localizado em um centro comercial chamado Habito, em um bairro residencial da capital tailandesa.

Por Carine Savieto