Confira cinco livros resenhados pela redação de AU

Paulo Mendes da Rocha: Museu Nacional dos Coches
Gonçalo Tavares e Ana Vaz Milheiro (texto) e João Carmo Simões e Daniela Sá (edição) . 88 páginas . Editora Monade . www.monadebooks.com
Construído em Lisboa, o Museu Nacional dos Coches tem como objetivo promover reflexões sobre as relações entre a grande cidade e o casario, a Europa e a América, além da própria ideia de ser moderno. O livro contém ensaios críticos e fotográficos, memorial descritivo, panorama de croquis e fotografias aéreas, dimensões do projeto, biografias de personagens históricos e um encarte desdobrável com desenhos técnicos do edifício e cortes construtivos.

Cidades citiadas – O novo urbanismo militar Stephen Graham . 512 páginas . Boitempo Editorial . www.boitempoeditorial.com.br
A publicação questiona a visão de que as cidades são lugares ameaçadores e verdadeiras zonas de conflito, permanentemente espreitadas por ameaças ocultas. O livro explora como as linhas de pensamento militares colonizam espaços e locais cotidianos, impondo paradigmas que projetam a vida como uma guerra dentro de um campo de batalha. A obra examina sonhos de fronteiras onipresentes e as sociedades consideradas adversárias.

 

Cidades resilientes – Respostas imediatas em situações de crise Vários . 110 páginas . BEI Editora . www.bei.com.br
O terceiro volume da coleção Arq.Futuro discute como preparar cidades para resistir aos impactos provocados pelas mudanças climáticas, superpopulação e pressões da atualidade. O volume questiona como recuperar o espaço urbano após experiências traumáticas e se é possível antecipar problemas como o acidente nuclear de Fukushima (2011) e os furacões Katrina (2005) e Sandy (2014). Também debate problemas de saneamento, escassez de água e gestão de recursos hídricos em cidades brasileiras.

 

Guia da Arquitetura – versão em inglês e em português – Editora Bazar do Tempo Guia de Arquitetura do Rio de Janeiro . Vários . 488 páginas . Editora Bazar do Tempo . www.bazardotempo.com.br
Com 400 fotos, mapas e 700 verbetes de edificações, a publicação percorre a história do Rio de Janeiro por meio de suas construções, desde a fundação até hoje. O livro serve como um guia para percursos de visitação, com dados sobre os imóveis, datas de construção e arquitetos, e funciona como uma aula sobre formação e desenvolvimento da arquitetura e urbanização cariocas. A publicação está disponível em português e inglês.

Três textos sobre a cidade Rem Koolhas . 111 páginas . Editora Gustavo Gili . www.ggili.com.br
Os três ensaios que compõem o livro do fundador do OMA são: “Grandeza, ou o problema do grande”; “A cidade genérica”; e “Espaço-lixo”. É uma amostra da posição do arquiteto como pesquisador e crítico das mudanças sofridas pelas cidades e o papel assumido pela arquitetura. Ácido e direto, ele analisa a identidade das cidades e escreve sobre locais de consumo rápido, destacando os simulacros arquitetônicos e a evocação do banal em iluminações fluorescentes ou vegetações de plástico.