Projeto Moradias Infantis, no Tocantins, e escritório Aleph Zero são premiados pelo RIB

Projeto Moradias Infantis, no Tocantins, e escritório Aleph Zero são premiados pelo RIB

Os arquitetos curitibanos Gustavo Utrabo e Pedro Duschenes, do escritório Aleph Zero, venceram o RIBA International Emerging Architect, concedido pelo Royal Institute of British Architects (RIBA) para o melhor da arquitetura emergente. O seu projeto Moradas Infantis, no Tocantins, desenvolvido em parceria com o Rosenbaum, também foi um dos 20 ganhadores do RIBA International Prize 2018.

Em 12 anos de existência deste prêmio internacional, é a primeira vez que brasileiros são reconhecidos pelo RIBA. “Ficamos impressionados pela maneira com que os arquitetos adotaram a questão de como a arquitetura pode estimular quem a usa, assim como sua comunidade ao redor, em uma região rica em recursos naturais, mas pobre em oportunidades, educação e recursos econômicos”, comentou Julia Barfield, presidente do Grupo RIBA Awards em nota oficial. Leia mais

Lei de Licitações: arquitetos e urbanistas defendem exigência de projeto completo na Câmara dos Deputados

Lei de Licitações: arquitetos e urbanistas defendem exigência de projeto completo na Câmara dos Deputados

Ocorreu em abril na Câmara dos Deputados, em Brasília, mais uma audiência pública da Comissão Especial da nova Lei de Licitações. Desta vez, foi ouvida a opinião dos arquitetos e urbanistas. O grupo analisa os Projetos de Lei 6.814/2017 e 1.292/1995, as principais propostas de atualização da Lei de Licitações, aprovou em 13 de março um plano de trabalho que prevê a realização de audiências públicas sobre as mudanças na legislação.

Em audiência pública na Câmara dos Deputados, o presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) em exercício, Guivaldo Baptista, defendeu que as obras públicas só podem ser licitadas com um projeto completo, trazendo detalhamento de materiais, prazos e custos. Além disso, os projetos devem ser contratados via concurso público de arquitetura. Leia mais

CAU/BR se posiciona contra projetos de lei que ameaçam campos de atuação dos arquitetos e urbanistas

CAU/BR se posiciona contra projetos de lei que ameaçam campos de atuação dos arquitetos e urbanistas

O Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR) publicou no final de abril uma nota esclarecendo os motivos de sua discordância com o Projeto de Lei (PL) n° 9818/2018 e o Projeto de Decreto Legislativo (PDC) n° 901/2018, que dispõem sobre os campos de atuação dos arquitetos e urbanistas. As legislações estão em tramitação na Câmara dos Deputados.

Veja abaixo a nota enviada pelo CAU/BR, na íntegra: Leia mais

Três projetos brasileiros são premiados no prêmio Prix Versailles 2018 para o continente americano

Três projetos brasileiros são premiados no prêmio Prix Versailles 2018 para o continente americano

Três projetos brasileiros foram premiados no Prix Versailles 2018 para as regiões Américas do Sul e Central e Caribe. A premiação é concedida pela União Internacional dos Arquitetos (UIA) e pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

Com revestimento em madeira, a Japan House, em São Paulo, venceu na categoria Lojas Comerciais. O projeto do arquiteto Kengo Kuma, em parceria com o escritório paulistano FGMF Arquitetos, foi inaugurado no início de maio, na Avenida Paulista. As atrações vão desde um restaurante típico até um espaço para instalações e eventos, onde artistas e empresários japoneses poderão realizar reuniões, workshops, palestras e cursos.

Leia mais

Banco de Desenvolvimento da América Latina promove o 5º Concurso de Desenvolvimento Urbano e Inclusão Social

Banco de Desenvolvimento da América Latina promove o 5º Concurso de Desenvolvimento Urbano e Inclusão Social

A 5ª edição do Concurso Internacional de Desenvolvimento Urbano e Inclusão Social, criado pelo Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF), busca premiar propostas de cidades latino-americanas que ofereçam uma melhoria integral do habitat das comunidades e da qualidade de vida dos seus cidadãos, por meio de ideias e elaboração de propostas inovadoras, relevantes, fundamentadas e realizáveis.

O prêmio para os vencedores é de 15 mil dólares, além da possibilidade de, a convite do CAF, desenvolver o projeto campeão. O segundo ou terceiro prêmio receberão 7 mil dólares e 3 mil dólares, respectivamente, e a possibilidade de desenvolver seus projetos, caso o primeiro lugar não entre em acordo com o banco.

Leia mais

Designer do Recife vence Concurso do Cartaz da 32º Prêmio Design MCB

Designer do Recife vence Concurso do Cartaz da 32º Prêmio Design MCB

O designer recifense Celso Hartkopf Lopes Filho venceu o Concurso do Cartaz para a 32ª edição do Prêmio Design do Museu da Casa Brasileira (MCB). De acordo com o júri, a proposta demonstra uma forte identidade cultural, representada em composição cromática, por meio da gestualidade e do e uso de objetos de caráter popular. Ao todo, foram 424 inscrições e participantes de 15 estados.

O cartaz 2018 foi escolhido pela comissão julgadora coordenada pelo fotógrafo e designer Gal Oppido, por Flávia Nalon e Chico Homem de Melo, com vasta experiência em projetos gráficos, e Luís Bueno e Gabriel Ribeiro, artistas urbanos. Leia mais