Arealis usa cromatismo indiano em projeto corporativo em Alphaville, em São Paulo

Arealis usa cromatismo indiano em projeto corporativo em Alphaville, em São Paulo

O escritório de arquitetura Arealis assina o projeto da nova sede da Tata Consultancy Services Ltda. (TCS), inaugurada em janeiro em Alphaville, na região Metropolitana de São Paulo. O objetivo foi estabelecer uma ponte entre as características estéticas do mundo indiano e as necessidades do mundo da tecnologia.

Com três mil m², a arquitetura do espaço considerou critérios como mobilidade, fluidez, produtividade e bem-estar no espaço de trabalho. O projeto organiza os diferentes espaços a partir de um percurso interno, definido por uma geometria aleatória constituída de linhas retas. Após uma pesquisa sobre os cromatismos e as formas presentes na cultura indiana, esta via apresenta texturas e cores variadas, alternando os pisos vinílicos coloridos com uma combinação de carpetes que lembra a riqueza dos tapetes indianos.

Leia mais

Com um projeto de interiores que extrapola os limites do prédio e se exibe para a cidade, a nova sede da OLX, no Rio de Janeiro, aposta em soluções estéticas e espaciais focadas na diversão e no convívio entre os funcionários

Com um projeto de interiores que extrapola os limites do prédio e se exibe para a cidade, a nova sede da OLX, no Rio de Janeiro, aposta em soluções estéticas e espaciais focadas na diversão e no convívio entre os funcionários

Durante o dia, o efeito passa despercebido. Ao cair da noite, no entanto, a atmosfera se transforma: realçado pela iluminação, o jogo de cubos coloridos que se revela entre o sétimo e o nono andar deste edifício comercial envidraçado ganha uma vibração surpreendente e atrai os olhares dos passantes, se envolvendo ativamente no cotidiano da cidade.

Trata-se da nova sede carioca da multinacional de classificados online OLX, concebida pelo escritório paulistano SCAA – Sergio Camargo Arquitetos Associados. O mote foi trocar dois endereços por um único espaço, que desse conta de acomodar os cerca de 400 funcionários do grupo e oferecesse a eles um ambiente de trabalho estimulante e, sobretudo, propício à troca de ideias. Leia mais

Notícias do mundo da arquitetura

Notícias do mundo da arquitetura

Concurso para a sede do CAU-BR e do IAB-DF tem viés democrático
Em 1956, foi publicado o Concurso Nacional do Plano Piloto da Nova Capital do Brasil, que teve como vencedor o projeto do arquiteto Lúcio Costa. Sessenta e um anos depois, também por meio de um concurso público, os arquitetos brasileiros vão ganhar uma casa. No fim de 2016, o Concurso Público de Arquitetura da Nova Sede do CAU-BR (Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil) e do IAB-DF (Instituto de Arquitetos do Brasil – Departamento Distrito Federal) selecionou o melhor projeto entre os 328 trabalhos inscritos por escritórios de todo o país.

Leia mais

Editorial: novas gerações

GUSTAVO CURCIO

A arquitetura brasileira está mais pobre. Carlos Bratke, o arquiteto da Avenida Luís Carlos Berrini, em São Paulo, e Haruyoshi Ono, parceiro criativo de Burle Marx, se foram. Com a morte deles, duas marcas da ousadia e do questionamento, ingredientes fundamentais para o êxito em nossa profissão, ficam como exemplo.

Bratke foi um crítico do brutalismo de seu pai, Oswaldo, e firmou-se pela arquitetura de forte apelo comercial. Tecnicamente, soube combinar materiais pós-modernos ao concreto de forma única.

Ono pegou o bastão do escritório de Burle Marx após sua morte, em 1994, e conduziu os trabalhos da equipe no Brasil e no exterior sem perder a essência dos conceitos desenvolvidos ao lado do parceiro. No entanto, soube lidar com maestria com os novos desafios que o mercado impôs.

Leia mais

Edifício com arquitetura sinuosa fez a diferença no interior da nova sede da SulAmérica Seguros em São Paulo

Edifício com arquitetura sinuosa fez a diferença no interior da nova sede da SulAmérica Seguros em São Paulo

Um edifício projetado pelo escritório Aflalo&Gasperini próximo ao Largo da Batata, em Pinheiros, na Zona Oeste da cidade de São Paulo, foi eleito como o ideal para a nova sede da SulAmérica Seguros, quando a empresa optou pela mudança do antigo prédio de 18 mil m² que ocupava próximo ao Shopping Cidade Jardim, em São Paulo. Para apoiar a transferência, uma parceria com a unidade brasileira do escritório Perkins+Will foi consolidada a fim de encontrar as melhores soluções com base no diagnóstico de funcionamento da empresa e do modo de trabalho dos funcionários, assim como na análise de mudanças e adaptações no modelo de operação e desempenho.

O edifício de 13 andares conta com cinco subsolos para estacionamento e um auditório com capacidade para 84 pessoas. No projeto original, o formato do prédio é marcado por uma angulação de quase 90 graus que dá uma aparência de bumerangue à estrutura. Para maximizar a circulação e o campo de visão contínuos, os arquitetos da Perkins+Will optaram por inserir uma chapa metálica ondulada denominada miniwave, comum em fachadas, que consegue assumir diferentes curvaturas. O recurso também conferiu maior privacidade aos funcionários e organizou a circulação, uma vez que conduz as pessoas indiretamente pelas laterais dos andares. Ademais, separou as áreas de banheiros e de circulação vertical da região de trabalho, estabelecendo espaços para impressão e pontos de café e amenidades.

Leia mais

Rua Arquitetos projeta Sede do Campo Olímpico de Golfe no Rio de Janeiro

Rua Arquitetos projeta Sede do Campo Olímpico de Golfe no Rio de Janeiro

À sombra da polêmica ambiental que envolveu a escolha do sítio, jornais e revistas não perceberam a notável arquitetura que ali surgia. Comparada à imensidão da planície que a envolve, é comedida a dimensão da sede do campo de golfe das Olimpíadas do Rio de Janeiro. É a escala correta para uma edificação que se permite ser atravessada pela paisagem exuberante: não somente o vento a corta livremente, mas o olhar permanece desimpedido para admirar o gramado entremeado por pequenas dunas e circundado pelo manguezal que o separa da lagoa de Marapendi. O que vemos é uma espécie de miragem da Barra da Tijuca idealizada por Lucio Costa: a planície natural a perder de vista – é verdade que em um estado menos selvagem do que o imaginado pelo mestre – e um aglomerado de edifícios altos brotando ao longe nessa baixada. Leia mais