Projeto luminotécnico do LabLuz tem papel preponderante na sede da Diebold, em São Paulo

Projeto luminotécnico do LabLuz tem papel preponderante na sede da Diebold, em São Paulo

Apesar da recente onda de projetos de interiores corporativos voltados para a diversão e para a descontração, há empresas que continuam apostando em espaços cuja prioridade é refletir valores como produtividade e confiabilidade. É o caso da Diebold, especializada em serviços para automação bancária e comercial, que acaba de implantar sua nova sede em quatro andares de um edifício localizado no bairro da Barra Funda, em São Paulo, com lajes de 1.000 m².

Concebida pela Ufficcio Arquitetura e Engenharia, a proposta arquitetônica explorou as cores e a linguagem visual atreladas à identidade visual da empresa para demarcar os diferentes setores do escritório, que conta com recepção, salas de reunião e diretoria, bancadas de trabalho, showroom e cafés. O projeto de luminotecnia, assinado e executado pela LabLuz, oferece soluções pensadas para as necessidades específicas de cada área, além de colaborar a fim de que o ambiente corporativo, como um todo, possa ser vivenciado por funcionários e clientes como uma fonte de acolhimento e conforto – sensações muitas vezes inexistentes em instituições desta natureza.

Leia mais

Viviane Gobbato explora iluminação zenital e paredes verdes em projeto de restaurante na capital paulista

Viviane Gobbato explora iluminação zenital e paredes verdes em projeto de restaurante na capital paulista

Quem passa na frente do restaurante contemporâneo Méz, na Rua Dr. Mário Ferraz, no bairro do Itaim Bibi, em São Paulo, jamais imagina que o lugar, onde funcionava outro estabelecimento, já foi escuro, sem nenhum charme nem impacto. Quando recebeu a encomenda de reformar radicalmente o espaço, mas preservar a estrutura principal, a arquiteta Viviane Gobbato tinha a tarefa de criar um visual com o mood do Meatpacking District. O famoso bairro de Nova York antigamente era conhecido por abrigar frigoríficos e empresas de embalagem, e hoje se tornou um dos destinos mais atraentes e de alma jovem da cidade americana. “O desejo principal dos proprietários era a criação de um local descontraído, que pudesse atender a diversos públicos em diferentes ocasiões”, comenta Viviane. Assim, o mix de bar e restaurante de 520 m² oferece petiscos e comidas para compartilhar com os amigos, além de uma rica carta com mais de 40 opções de drinques, o que o torna uma referência na área da coquetelaria paulistana.

Leia mais