Museu da Casa Brasileira divulga vencedores do 31º Prêmio Design MCB

O Museu da Casa Brasileira (MCB), sob direção da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, anunciou os 54 selecionados do 31º Prêmio Design MCB, entre vencedores e menções honrosas. Nesta edição, 587 trabalhos se inscreveram na premiação.

Na categoria Construção, o objetivo era reconhecer os produtos necessários para o cotidiano de uma obra, mas que se destacassem de forma estética. O primeiro lugar ficou com a Torneira UP&Down, da CEA Design, por Marcio Kogan, Mariana Ruzante e Diana Radomysler. O segundo lugar foi para a Ducha Higiênica Despressurizada, da Deca – Duratex S.A., por Pedro Martins, Regis Carvalho Romera e Caio del Giorno Vasone. Já o terceiro lugar foi para a Coleção Escamas, da Santa Luzia, por Gabriel Freitas de Andrade, Paulo Biacchi, Marcelo Rosenbaum, Carolina Armelli e Adriana Benguela.

CONSTRUÇÃO – 1º Lugar: Torneira UP&DOWN; de Marcio Kogan, Mariana Ruzante e Diana Radomysler; produção CEA Design

As Menções Honrosas ficaram para o Revestimento Liveli, da Maski Revestimentos, por Aline Siemenskoski Delgado e para o Misturador monocomando para cozinha DOCOLVITALIS OZÔNIO, por Christopher Hakenhaar, de Christopher Hakenhaar.

Na modalidade protótipo o grande vencedor foi o Sifão “De Ville”, de WROSA Design- ME, por Wilhelm Rosa e Rudi Pivetta. Em segundo lugar ficou o Conector Pente de Medusa – Conector de suspensão de fios e cabos de telecomunicações para postes, de Rede Design Senai/SP, Escola SenaiMario Amato, por Paulo Roberto de Marchi, Fernanda Moreira e Herbert Soares da Silva. O terceiro lugar foi para papeleira_001, de Jader Almeida Design & Architecture, por Jader Almeida. Foram contemplados com Menção Honrosa o No-Cobogó, de Matias Revello Vazquez e a banheira 001, por Jader Almeida Design & Architecture, de Jader Almeida.

A categoria Iluminação, por sua vez, premiou em primeiro lugar Aero, por produção Lumini, de Fernando Prado. Em segundo lugar houve um empate entre XL, por produção Iluminar, de Ronaldo Mafra e 361º_SPOT-TRILHO, por produção LED TECHNOLOGY BRASIL, de Eduardo Ernesto Dutra Rodrigues e Moshe Gorban. Já o terceiro lugar foi para Twist, por produção Iluminar, de Eliane Fátima Dias Pinheiro. Conquistaram Menção Honrosa Clip Parede/Clip Teto, por produção Reka Iluminação, de Ricardo Heder e Mini Nadda, por produção Iluminar, de Francisco Estaban Terroba. Como primeiro lugar do protótipo ficou Luminária Pendente EMBUÁ, por ASR Arquit. Lighting Design, de Adelmo J Santiago.

Por fim, na categoria mobiliário conquistou o primeiro lugar a Cadeira C66, por produção Carbono Design, de José Machado. No segundo lugar houve um empate entre Celine, por Jader Almeida Design & Architecture, de Jader Almeida e Cadeira Serelepe, por Indio da Costa A.U.D.T., de Luiz Augusto de Siqueira Indio da Costa. As Menções Honrosas ficaram para Prateleiras Linha Espaço, por Grupo Criativo e produção Metaltru, de Rodrigo Cesar Leme Silva, Juliano Gheno, Lucas Couto, Thiago Viana, Renata Guedes e Jéssica Pureza e Cadeirão Click, por escritório Noos, de Karina Schrappe Sucre e Eduardo Sucre.

Na modalidade Protótipo conquistaram Menção Honrosa Versa, por instituição de ensino PUC-RIO, de Isabela Raposo e Criado Mudo Echo, por instituição de ensino Universidade Federal do Rio de Janeiro, de Eduardo Babo Correia Pinto.

Confira os vencedores das demais categorias:

ELETROELETRÔNICO

Menção Honrosa: Technos Connect Full Display; de Paola Natasha Marinho, Ana Clara Cruz, Beatrice Nunes, Gabriel Domenech, Erica Pagano, Ricardo Julian, Erika Bueno, Anthony Amaral da Silva, Diogo de Lima e Cassiane Tófano; produção Technos da Amazônia Indústria e Comercio S.A.

Menção Honrosa: Tablet Drop Kids Wifi; de Valkiria Pedri Fialkowski, Daniel Kroker, Kleber Puchaski, Marcella Lomba, Yuri Fontes e João Pedro Marques Mion; escritório ARBO design+Innovation.

Menção Honrosa: IC/Air2; de Luiz Augusto de Siqueira Indio da Costa; escritório The Modern Fan Company.

Protótipo – Menção Honrosa: 3D PROCER ELITE; de Guilherme Rodrigues de Carvalho Castellini e Paulo Kazuo Inoue; escritório Rede Design SENAI – Escola SENAI Armando de Arruda Pereira; produção 3D Procer

TÊXTEIS

1º Lugar: Coleção Renovação; de Clarisse Bueno Romeiro; escritório Veredas Atelier; produção Fiama Tecidos

2º Lugar: Naif; de Renan Serrano; escritório Trendt; produção Trendt para Alcaçuz

Menção Honrosa: Coleção Bem Brasil; de Nara Evangeline Guichon Ferrari

Protótipo – Menção Honrosa: Tecido Celular; de Maria Cau Levy e Goma Oficina

Protótipo – Menção Honrosa: Trama São Paulo; de Alexandre Heberte; produção Melissa Meio-Fio

TRANSPORTE

1º Lugar: Marruá; de Fernando Machado, Paulo Adriano Biondan, Yuri Kozowski e Ricardo Takeo Kuwabara; produção AGRALE S.A.

2º Lugar: PWB Freedom; de Louro Justo Parma Junior

3º Lugar: SUPCAT; de Jean Gilbert Dupont; escritório Freeport Yacht Business

Protótipo – Menção Honrosa: Roda Amortecida LLCC; de Paulo de Tarso Oliva Barreto, Paulo Henrique Magri, Guilherme Celeste Ribeiro, Rodrigo de Araújo Oliveira, Vander Xavier de Macedo e Leonardo Menezes Lima; instituição de ensino Centro Universitário Senac São Paulo

Protótipo – Menção Honrosa: E.CUB; de Guilherme Rodrigues de Carvalho Castellini, Ana Lúcia Domingues de Oliveira e Fernanda Moreira; escritório Rede Design Senai/São Paulo

UTENSÍLIOS

1º lugar (empate): Coleção Cassino; de Rubens Simões, produção Riva Brazilian Luxury Design

1º lugar (empate): Kit Estrutural Mola; de Márcio Sequeira de Oliveira

Menção Honrosa: Loft Up; de Daniel Scotti da Silva, Marcia Balestro, Graziela de Oliveira Paula, Flávio Martins, Fabiano Bonatto e Jacson Paulino Pires; produção Grupo Brinox S.A. (COZA)

Menção Honrosa: Confete; de Mauricio Noronha, Rodrigo Brenner, Fernando Costa Jr., Jean Cordeiro, Riorgior Ranger e Lucas Penedo; escritório Furf Design Studio; produção ETHNOS Produtos Ortopédicos

Protótipo – 2º Lugar (empate): KITANGU; de Neymar Leonardo dos Santos e Sandro Henrique Limaverde de Almeida Protótipo – 2º Lugar (empate): VEDADOR CIRÚRGICO GAS SEAL; de Guilherme Rodrigues de Carvalho Castellini e Paulo Kazuo Inoue; escritório Rede Design Senai – Escola Senai Armando de Arruda Pereira

Protótipo – 3º Lugar: CONJUNTO DE CAÇAROLAS DE INDUÇÃO LINHA MARTELADA CERAFLAME; de Fabiane Salomon, Jessica Stiegler e Caio Schutz; produção Certa Produtos Cerâmicos Ltda

Protótipo – Menção Honrosa: Veleiro; de Giuliano Perretto e Max Alan Kampa; escritório Ventura Lab

TRABALHOS ESCRITOS

Publicados – 1º Lugar: Marcenaria Baraúna – móvel como arquitetura, de Mina Warchavchik Hugerth, Ethel Leon, Frederico Duarte e Mariana Wilderon – Edição: Olhares, 2017

Publicados – 2º Lugar: Lattoog, de Pedro Moog e Leonardo Lattavo – Edição: Olhares, 2017

Publicados – Menção Honrosa: Design de sinalização, de Douglas D’Agostini – Edição: Blucher, 2017

Publicados – Menção Honrosa: Ecovisões projetuais: pesquisas em design e sustentabilidade no Brasil, de Chiara Del Gaudio, Alfredo Jefferson de Oliveira e Carlo Franzato – Edição: Blucher, 2017

Não Publicados – 1º Lugar: Corpo, casa e cidade: três escalas da higiene na consolidação do banheiro nas moradias paulistanas (1893-1929)., de Clarissa de Almeida Paulillo sob orientação de Tatiana Sakurai – FAUUSP, 2017

Não Publicados – 2º Lugar: Lugar de mulher: Arquitetura e design modernos, gênero e domesticidade, de Silvana Barbosa Rubino – UNICAMP, 2017

Não Publicados – Menção Honrosa: Mobiliário industrializado popular em situações de uso em moradias de famílias de baixa renda, de Célia Moretti Arbore sob orientação de Luís Cláudio Portugal do Nascimento – FAUUSP, 2016

Por Gabrielle Vaz, do Portal PINIweb