Arquitetos e urbanistas de Minas Gerais podem apresentar projetos ao Corpo de Bombeiros pela internet

Os profissionais com registro no Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU) podem desde setembro apresentar digitalmente os projetos das edificações para receber o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) na região Metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais. O protocolo, a aprovação, a vistoria e a liberação da autorização podem ser pedidos por meio do Sistema de Informações do Serviço de Segurança Contra Incêndio e Pânico (Infoscip), implantado em 2012.

Anteriormente, a possibilidade de fazer tudo pela internet era liberada apenas para profissionais registrados no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea) – os arquitetos e urbanistas tinham que ir pessoalmente até o Centro de Atividades Técnicas (CAT). “Teremos um melhor atendimento à população, pois ampliamos o número de profissionais com acesso ao sistema, que poderão enviar e consultar o projeto a qualquer hora e lugar”, explica o Tenente da Diretoria de Atividades Técnicas (DAT), Daniel Simon Silva, lembrando que o CAU/MG possui atualmente o registro de 11,7 mil arquitetos e urbanistas.

De acordo com a Prefeitura de Belo Horizonte, desde a implantação do sistema foram registrados 17 mil projetos de segurança contra incêndio e pânico. No primeiro trimestre de 2017, já foram realizadas 4,3 mil vistorias para emissão do AVCB em Minas Gerais. Já em 2016 número foi de 19 mil vistorias. Vale destacar que o sistema recebeu o Prêmio Excelência em Governo Eletrônico (e-GOV), que é promovido anualmente pela Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Tecnologia da Informação e Comunicação (Abep) e pelo Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão.

Por Gabrielle Vaz, do Portal PINIweb