Codhab-DF lança concurso para projeto de arquitetura e urbanismo no Setor Habitacional Pôr do Sol, em Ceilândia

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab-DF) está com inscrições abertas até o dia 29 de setembro para o Concurso Público Nacional de Projetos de Urbanismo e Arquitetura no Setor Habitacional Pôr do Sol, em Ceilândia, no Distrito Federal. As propostas deverão contemplar aspectos como planejamento urbano, mobilidade, infraestrutura, paisagismo e arquitetura das unidades habitacionais e equipamentos públicos comunitários.

“Deverá ser proposto um desenho urbano para uma área desocupada na qual serão instalados até 4.963 habitantes e 1.518 unidades habitacionais, com o intuito de qualificar o espaço urbano, criar melhores e mais favoráveis condições de vida aos futuros moradores e conceder-lhes o direito à cidade”, diz o edital da competição.

Os projetos deverão desenvolver o sistema viário e cicloviário, estacionamentos, calçadas, acessibilidade e locação de mobiliário urbano, movimentação de terra, pavimentação asfáltica e drenagem pluvial, sinalização viária vertical e horizontal e arquitetura das unidades habitacionais e dos Equipamentos Públicos Comunitários (EPCs), além dos Projetos Complementares de Arquitetura das unidades habitacionais e dos EPCs para parte do Setor Habitacional Pôr do Sol.

O júri, que será composto pelos arquitetos e urbanistas Felipe Lopez Annunziato, Yara Regina Oliveira, Frederico Barboza, Ana de Paula Fonseca, Guilherme Pires de Miranda Araújo, Edinardo Lucas e Claudio Crispim, considerará critérios como conceito e inovação; qualidade urbanística, paisagística e arquitetônica; aspectos plásticos, éticos e estéticos do projeto; integração e contextualização urbana; mobilidade, acessibilidade e inclusão social; clareza do projeto; adequação às normas; funcionalidade e atendimento aos programas de necessidades; sustentabilidade; exequibilidade, economia e viabilidade técnico-construtiva.

O primeiro colocado receberá um prêmio de R$ 60 mil, além de ser contratado por R$ 4,38 milhões para a execução dos projetos executivos e complementares. Os premiados em segundo e terceiro lugares ganharão um prêmio de R$ 30 mil e R$ 15 mil, respectivamente. O resultado da premiação deve ser divulgado em 20 de outubro.

Para se inscrever ou obter mais informações sobre o concurso, clique aqui.

Por Gabrielle Vaz, do Portal PINIweb.